Takeaway, Drive Thru ou Delivery? Qual é a melhor opção para o Restaurante?

takeway
7 minutos para ler

A operação de um restaurante não se limita apenas ao atendimento aos clientes no salão ou balcão. Takeaway, Drive Thru ou Delivery também são operações comuns e que têm crescido nos últimos anos.

Isso também quer dizer que seu cliente pode ter outras formas para pedir e consumir seus produtos, independente do local onde estiverem.

Então, seja por uma estratégia de vendas ou readequação do mercado em tempos de crise, é importante conhecer todas as possibilidades de cada modelo e comparar vantagens e desvantagens, para chegar no que é melhor para o seu restaurante.

Pior isso, preparamos um guia completo para ajudar nessa decisão. Confira!

Takeaway, Drive Thru ou Delivery? Entenda as principais diferenças

É para comer aqui ou para levar?

Os pedidos para retirada ou entrega podem trazer uma receita adicional significativa para o seu restaurante. Se por um lado os espaços físicos têm limitações baseadas, especialmente, na ocupação máxima com o takeaway, drive thru ou delivery, as chances de vender mais e atender um número maior de pessoas aumentam.

Basta pensar que, se um cliente quer mesmo consumidor os seus produtos mas não quer esperar um lugar para sentar em um dia de casa cheia, pode comprar seus pratos e bebidas preferidos, da mesma forma. Para isso pode ligar no restaurante e pedir para entregar em sua casa, pedir para separar o pedido ou comprar no balcão para levar.

Outra vantagem para o restaurante é que a capacidade de produção ociosa também é otimizada mesmo que o restaurante esteja vazio.

Os benefícios para os clientes são inúmeros como: redução do tempo de espera, comodidade e praticidade, recebimento de alimentos mais frescos ou recém-preparados, não pagamento da taxa de entrega, acompanhamento do pedido, dentre outros.

Portanto, no fim, todos ganham. Conheça agora alguns detalhes de cada operação.

Takeaway

O que é: os chamados restaurantes takeaway ou takeouts podem ser entendidos como aqueles em que os clientes podem pegar os pedidos e levar para consumir em outro local. O consumo pode ser ainda imediato ou posterior, dependendo do tipo de comida ou bebida vendidos e do tempo de sua conservação.

Como funciona: o cliente faz o pedido direto a um atendente ou pelo autosserviço, selecionando a opção de retirar na loja ou informando que o pedido é para viagem. Geralmente, os pedido são entregues direto no balcão.

Forma de pagamento: o pagamento é cobrado no momento do pedido ou retirada do pedido e pode ser efetuado via dinheiro, cartão de crédito ou débito ou pagamento digital, em alguns estabelecimentos.

Recursos necessários: área para separação e entrega dos pedidos; embalagens especiais para viagem; rotulagem;

Vantagens para o seu restaurante:

  • Ampliação das vendas já que mesmo com o restaurante cheio os clientes podem pedir pra levar;
  • Maior agilidade no preparo e entrega já que esse modelo conta com processos bem definidos.

Desvantagens:

  • Necessita de pelo menos uma pessoa dedicada a esse tipo de atendimento.

Como começar a operação com baixo investimento: procure entender dos seus clientes se o serviço facilitado agregaria mais conveniência ao seu dia a dia ou em suas refeições. Organize sua operação para uma fase teste e avalie os resultados.

Drive Thru

O que é: também chamado de drive-in descreve os serviços em que o cliente não necessita sair do veículo para realizar e receber suas compras.

Como funciona: os veículos entram em uma fila para atendimento e os pedidos geralmente são realizados, pagos e entregues por uma janela ou cabine de atendimento. Se necessário aguardar por algum item de preparo mais demorado, o veículo é encaminhado para uma área de espera normalmente, para liberar a fila.

Forma de pagamento: o cliente paga no ato do pedido e já recebe seu comprovante de pagamento. A maioria dos locais aceita as opções mais convencionais: dinheiro, cartões, vale-refeições.

Recursos necessários: área logística pré-definida para o fluxo de veículos; sistemas de pedidos; embalagens especiais para viagem;

Vantagens para o seu restaurante:

  • Faz o cliente ganhar tempo já que não precisa estacionar e descer do veículo;
  • Redução de erros nos pedidos uma que vez que os pedidos são feitos e/ou confirmados pelos clientes;
  • Redução de desperdícios já que as comidas, bebidas e sobremesas são produzidos sob demanda.

Desvantagens:

  • Demanda atendimento rápido e produtos sem muita customização;
  • Dependendo do movimento do restaurante, podem ser formadas longas filas de espera, especialmente em dias de promoções.

Como começar a operação com baixo investimento: se a estrutura atual não permite nenhum ajuste para criar a área de drive thru, avalie se os clientes aceitaram ter seus pedidos digitados e entregues por um funcionário, sem a necessidade de ir até o balcão.

Delivery

O que é: o serviço tradicional de delivery e conhecido popularmente como o famoso serviço de entrega dos restaurantes.

Como funciona: o cliente faz o pedido online, por telefone direto no restaurante ou via aplicativos ou Whatsapp,  e recebe no endereço solicitado. O pedido também pode ser entregue no endereço de outra pessoa ou no endereço comercial. O que pode variar nestes casos é o valor da taxa de entrega.

Forma de pagamento: o pagamento pode ser realizado de forma automática via cartão de crédito ou débito ou wallets (carteiras digitais), pago de forma antecipada ou cobrado no momento da entrega por dinheiro ou cartão.

Recursos necessários: sistemas de pedidos; embalagens especiais para entrega; rotulagem; entregadores (equipe própria ou terceirizada);

Vantagens para o seu restaurante:

  • Os tempos de preparo costumam ser muito mais rápidos;
  • Permite vender mesmo em dias de baixo movimento no salão;

Desvantagens:

  • Custos da taxa de entrega que pode ser absorvida pelo restaurante, isentando o cliente do pagamento;
  • Necessidade de administração logística e otimização de rotas;

Como começar a operação com baixo investimento: utilize as ferramentas tecnológicas gratuitas a seu favor e canais de comunicação e/ou de pedidos descentralizados, para não depender de uma única fonte de receita. Outra dica é definir um raio geográfico inicial, para atuação e, conforme a demanda, ajustar aos poucos.

Como saber qual é a melhor opções para o seu Restaurante?

Voltamos então a pergunta inicial… saiba que a dúvida inicial sobre o takeaway, drive thru ou delivery pode dar lugar a: takeaway, drive thru e delivery. Afinal, uma alternativa não anula a outra. E, por se tratarem de formas de distribuição podem ser estratégias utilizadas em conjunto ou combinadas.

Como você viu, cada modelo tem suas vantagens e desvantagens e devem ser avaliadas com atenção. Outro ponto de análise muito importante é em relação ao custo necessário para adaptação do seu negócio.

Também é preciso pensar, acima de tudo, na experiência do cliente, afinal, via de regra, eles deveriam ser os grandes motivadores de qualquer mudança que você venha a fazer em seu negócio. Então, ouça o mercado!

Mas você ainda deve estar se perguntando… será que realmente vale a pena apostar em um Restaurante de Serviço Rápido (do inglês Quick Service Restaurant) ou QSR?

Em tempos de crises econômicas como os atuais, em função do Coronavírus (Covid-19), em que medidas públicas estão sendo adotadas para evitar a proliferação do vírus e fechado restaurantes, vale a pena pensar em novas formas pra continuar a atender seus clientes.

Acredite: por mais que o ambiente seja incerto, as pessoas vão continuar buscando opções para se alimentar bem. E seu restaurante pode ter uma grande contribuição nessa missão!

Se você está a procura de uma solução que possa ajudar no recebimento dos seus pedidos para Delivery ou Takeway, aproveite para conhecer o GoomerGo uma ferramenta gratuita onde você pode criar o seu cardápio digital, em poucos minutos e receber os pedidos pelo Whatsapp.

Você também pode gostar